História do Escutismo

Esta é a história do escutismo em geral. Mas há mais. Que tal saberes mais detalhe da história do nosso agrupamento?

Ver História do Agrupamento

 

  • 2016

    História do Escutismo
    55º Aniversario do Agrupamento 342 de Vialonga celebrado com a renovação de imagem digital - informação mais fácil, mais próxima, mais apelativa, centralizada através da integração do site e blogs das secções e departamentos, e disponível via páginas web, Facebook, Feedburner e RSS. É também neste ano, e provando mais uma vez que até o impossível pode ser possível, que a vila de Vialonga e a sua periferia acolheram a primeira edição da atividade nacional UBUNTU organizada pelo Agrupamento 342.
  • 2011

    História do Escutismo
    50º Aniversario do Agrupamento 342 de Vialonga celebrado com uma exposição no salão nobre da Junta de Freguesia de Vialonga. O nosso agrupamento organizou também o dia de BP em Vialonga bem como o primeiro encontro de coleccionadores de objectos escutistas.
  • 2007

    História do Escutismo
    Centenário do Escutismo, 150º Aniversário do Nascimento de BP e realização em Londres do Jamboree Mundial do Centenário com a participação de mais de 40000 Escuteiros.
  • 2003

    História do Escutismo
    O Agrupamento 342 de Vialonga participa no primeiro Roverway entitulado de "Roverway2003 – people in motion” (conhecido pelo «o maior evento europeu de jovens»). Este é um novo encontro para escuteiros entre os 16 e os 22 anos que decorre de 4 em 4 anos num dos países que compõem a Região Europeia do Escutismo; a primeira edição realizou-se em Portugal de 31 de Julho a 11 de Agosto. Há cerca de 30 milhões de Escuteiros em todo o mundo.
  • 1997

    História do Escutismo
    O Agrupamento 342 de Vialonga participa no JOTA (40º Jamboree no Ar) e no JOTI (1º Jamboree na Internet) assumindo a estação nacional em Vialonga.
  • 1996

    História do Escutismo
    Apesar de, por diversas vezes, se terem verificado tentativas de estruturação da FNA a nível nacional, só em 1994, por impulso do Engenheiro D. Paulo de Lencastre, então Presidente do Conselho Nacional da FNA, se deu início a nova diligência no sentido de que a FNA tivesse uma estruturação a nível nacional e que, também, passasse a participar no convívio de outras "Fraternidades" existentes a nível nacional e de "além fronteiras". A estruturação da FNA a nível nacional foi realizada com a aprovação dos Estatutos pela Conferência Episcopal Portuguesa em Assembleia Plenária em Novembro de 1996.
  • 1983

    História do Escutismo
    O CNE é declarado Instituição de Utilidade Pública.
  • 1982

    História do Escutismo
    Ano Mundial do Escuteiro.
  • 1980

    História do Escutismo
    Uma representação dos Comités Mundial e Europeu deslocam-se a Portugal, onde entregam ao CNE e à AEP, que recentemente haviam fundado e constituído a FEP (Federação Escutista de Portugal), o respectivo diploma.
  • 1980

    História do Escutismo
    Em Ermesinde, o Conselho Nacional reúne extraordinariamente para lançar um novo Sistema de Formação de Dirigentes.
  • 1979

    História do Escutismo
    O Agrupamento 342 de Vialonga participa pela primeira vez no JOTA (22º Jamboree no Ar) com a colaboração do rádio amador CT1DL Gonçalves.
  • 1976

    História do Escutismo
    Uma conclusão do Conselho Nacional admite, com condições, a admissão de jovens de sexo feminino para as várias secções, altura que é considerada por alguns sectores da associação como o lançamento da coeducação no CNE.
  • 1975

    História do Escutismo
    15º Aniversario do Agrupamento 342 de Vialonga celebrado com a realização do Rally de Trotinetas e Carros de Madeira.
  • 1975

    História do Escutismo
    O Agrupamento 342 de Vialonga participa no acampamento mundial 14º Jamboree (“Nordjamb’75”) junto ao Lago Mjosa, em Lillehammer, onde se juntaram 17259 participantes de 91 países.
  • 1974

    História do Escutismo
    Após a Revolução de Abril de 1974, a Junta Central considera-se demissionária e o Conselho Nacional nomeia uma Comissão Executiva que passa a gerir a Associação. Este processo conduz à aprovação dos novos Estatutos, em 9 de Março de 1975, em consequência dos quais é empossada a 1.ª Junta Central eleita por sufrágio directo tendo como Chefe Nacional Manuel António Velez da Costa, qual viria a ser reconduzido no cargo em 1980, igualmente através de eleições nacionais.
  • 1969

    História do Escutismo
    Primeiras promessas das três Secções (Lobitos, Exploradores e Caminheiros) que compunham o Agrupamento a 19 Novembro.
  • 1966

    História do Escutismo
    1° Encontro Nacional de Dirigentes em Fátima.
  • 1963

    História do Escutismo
    Inauguração, em Fraião, de um Campo-Escola permanente para incrementar as possibilidades de Formação de Dirigentes.
  • 1961

    História do Escutismo
    António Florival de Assunção Boto, Carlos Moreira (eram na altura Caminheiros) e o Padre Miguel Corradini, iniciaram o nosso agrupamento no mesmo local que ainda hoje existe. Surgiu assim a Sede dos Escuteiros da Patrulha “ISOLADA ÁGUIA” do CNE.
  • 1957

    História do Escutismo
    Ano Jubilar - Centenário do Nascimento de BP, Cinquentenário do Escutismo e realização do 9º Jamboree Mundial.
  • 1950

    História do Escutismo
    Aprovação de novos Estatutos e publica-se novo Regulamento Geral. Aliás, estas duas décadas que se vão seguir (50/60) parecem ter dado origem a uma pequena "revolução" após as vicissitudes atrás referidas. Ainda em 1950 a Junta Central transfere-se para Lisboa e nos anos seguintes vários dirigentes deslocam-se ao estrangeiro (nomeadamente a Gilwell Park, em Londres) para frequentarem Cursos de Formação de Dirigentes.
  • 1941

    História do Escutismo
    (8 de Janeiro) Morte de BP, no Quénia.
  • 1936

    História do Escutismo
    Ano difícil para o CNE! A Organização Escutista de Portugal é extinta e o CNE volta a regular-se pelo Decreto n.° 10589, de 14 de Fevereiro de 1925. A situação é crítica porque a oficialização dos movimentos juvenis por parte da Igreja e do Estado deixaram o escutismo como que ao abandono, mas a coragem, dedicação e espírito escuta de um bom punhado de Dirigentes afastaram o perigo e evitaram o naufrágio, e assim, em Agosto desse ano, já se realizava em Leiria o 6.° Acampamento Nacional.
  • 1935

    História do Escutismo
    O Conselho Nacional substitui o termo de "Director" por Assistente e "Inspector" por Secretário (Nacional).
  • 1934

    História do Escutismo
    Depois de em 1931, ano em que Baden Powell e Olave, os fundadores do Movimento, visitam a Madeira, terem sido dinamizadas as primeiras Companhias de Guias portuguesas, no continente e na Madeira, é em 1934 que os Estatutos da AGP são aprovados pelo Governo, e elege-se a primeira Comissária Nacional, Fernanda D' Orey, e a Comissária Internacional, Miss Pope, Guia inglesa que muito ajudou na consolidação da AGP - Associação de Guias de Portugal.
  • 1929

    História do Escutismo
    BP recebe o título de Lord Baden-Powell of Gilwell. Nesse ano visita Portugal pela primeira vez.
  • 1926

    História do Escutismo
    Intensa actividade e projecção para o CNE: foram criadas e aprovadas as Juntas Regionais de Portalegre, Açores, Coimbra, Lisboa e Núcleo do Porto, que vieram juntar-se à de Leiria, criada no ano anterior. Realizado o 1.° Acampamento Nacional que em Agosto desse ano se realizou em Aljubarrota, durante o qual foi entronizada na capela de São Jorge a imagem do Beato Nuno, transportada para ali num impressionante cortejo de mais de 10.000 pessoas.
  • 1925

    História do Escutismo
    O Movimento estende-se de Norte a Sul de Portugal e, como meio de informação entre todas as Unidades apareceu em Fevereiro de 1925 o 1.° número do jornal "Flor de Lis" que mais tarde, em Janeiro de 1945, se apresentava em forma de Revista.
  • 1923

    História do Escutismo
    Fundação do Corpo Nacional de Escutas (CNE) a 27 de Maio em Braga pelo Arcebispo de Braga D. Manuel Vieira de Matos.
  • 1920

    História do Escutismo
    1º Jamboree Mundial em Olímpia, Londres. Neste Jamboree BP foi aclamado Chefe Escuta Mundial.
  • 1919

    História do Escutismo
    Abertura do Campo Escola Internacional de Dirigentes, em Gilwell Park.
  • 1918

    História do Escutismo
    Início Oficial do Caminheirismo.
  • 1916

    História do Escutismo
    Início oficial do Lobitismo. Aparece o livro Manual do Lobito.
  • 1912

    História do Escutismo
    Funda-se em Lisboa a Associação de Escoteiros de Portugal (AEP).
  • 1911

    História do Escutismo
    Dão-se os primeiros passos do Escutismo em Portugal.
  • 1910

    História do Escutismo
    A instâncias do Rei Eduardo VII, Baden-Powell (BP) deixa o Exército para se dedicar inteiramente ao Escutismo.
  • 1909

    História do Escutismo
    Primeira concentração de 11000 Escuteiros no Crystal Palace em Londres.
  • 1908

    História do Escutismo
    Publicação do livro "Escutismo Para Rapazes".
  • 1907

    História do Escutismo
    1º Acampamento Escutista, na Ilha de Brownsea. Os nomes das Patrulhas eram: Corvo, Touro, Maçarico-Real e Lobo.
Print Friendly, PDF & Email

 

Partilha esta página:

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedintumblrmail